Infecção por coronavírus pode deixar sequelas graves

Passados quatro meses desde a adoção de medidas de isolamento social por parte do governo do Estado e da Prefeitura de Teresina, devido a pandemia do novo coronavírus, mais de 41 mil pessoas já contraíram a doença em todo o Piauí, segundo dados da Secretaria Estadual de Saúde. Mas para quem foi curado da doença, viver com os sintomas deixados pela covid-19 não é tão simples.

 

 

Ouça reportagem de Pablo Cavalcante sobre o tema:

Médico alerta para aumento de acidentes doméstico durante pandemia


A preocupação em manter a higiene, limpeza e desinfecção nos ambientes domiciliares e no trabalho, em virtude da pandemia da Covid-19, provocou aumento no consumo de produtos de limpeza, como álcool em gel e água sanitária e, também, o consequente aumento de incidentes ocasionados pelo uso desses produtos. O médico cirurgião plástico, Antônio de Deus, em entrevista ao Acorda Piauí, fala sobre os cuidados que as pessoas devem ter para evitar incidentes neste período, principalmente para os extremos de idade: crianças e idosos.

Ouça na íntegra:

Estudo aponta áreas de deslizamento em Teresina

Um estudo do serviço Geológico Brasileiro, o DNPM, detectou áreas de alto risco em 46 cidade do Piauí, entre elas a capital Teresina. Os dados foram apresentados no programa “Acorda Piauí” da Rádio Cidade Verde nesta sexta-feira (3) pelo autor do estudo, Sidinei Sousa. O estudo lembra que áreas como o Encontro do Rios e as margens do rio Poti da Ponte Wall Ferraz até o shopping possui áreas de deslizamentos e enchentes.
A situação mais critica foi observada em bairros como Pedro Balzi e Vale do Gavião. Lá moradores construíram em áreas de deslizamento. O plano feito pelo DNPM é obrigatório para nortear o crescimento das cidades. Ouça a entrevista completa.

Mapa mostra pontos identificados como de risco em Teresina

“Falta legislação que olhe para este grupo”, diz advogado sobre entregadores

Entregadores de aplicativos participaram de uma greve reinvidicando melhores condições de trabalho em todo o país. Entre as reinvidincação destaca-se a precariedade do trabalho, que muitas vezes envolve trabalhar muito e ganhar pouco, além da falta de segurança durante a atuação. A falta de vínculo empregatício entre empresas e esses profissionais é um dos grandes gargalos do problema.

Em entrevista ao Acorda Piauí, o advogado especialista em direito trabalhista, Carlos Eduardo Ambiel, destaca que “falta uma legislação que olhe para este grupo” e que, sem ela, os trabalhadores ficam expostos.

Ouça na íntegra:

 

Sessões virtuais do judiciário aumentaram produtividade de setores da Justiça


O presidente do Tribunal de Justiça desembargador Sebastião Ribeiro Martins disse que as sessões virtuais do judiciário aumentaram a produtividade em alguns setores da justiça, mas admitiu que houve prejuízos nos processos criminais. A declaração foi dada durante entrevista a rádio Cidade Verde, no programa acorda Piauí.

O presidente também declarou que o Tribunal de Justiça vai voltar às atividades presenciais a partir do dia 20 de julho apenas com parte dos servidores. A retomada das atividades vai ser feita de forma gradual.

Ouça na íntegra:

FMS alerta para baixa vacinação contra gripe em Teresina


Termina hoje a campanha de vacinação contra a gripe, na rede pública municipal. Estão sendo chamados a se vacinas crianças entre 6 meses e 6 anos, professores, gestantes e mulheres que tiveram bebês no últimos 45 dias. Durante entrevista a rádio Cidade Verde, a chefe da Vigilância em Saúde da FMS Amariles Borba, disse que a cidade de Teresina não tem conseguido atingir as metas de vacinação nos últimos tempos.

As vacinas podem ser conseguidas através dos postos de vacinação e unidades básicas de saúde e por enquanto, apenas o público alvo será imunizado.

Ouça na íntegra:

Varejo e setor de alimentação podem voltar a funcionar


O secretário de planejamento Antonio Neto não descartou a possibilidade de que lojas do varejo e até do setor de alimentação possam voltar a funcionar nos primeiros dias de retomada das atividades econômicas. Em entrevista ao programa Acorda Piauí da rádio Cidade Verde, Antonio Neto disse que está sendo verificado um protocolo dos restaurantes para possível abertura imediata.

Por enquanto os setores com abertura confirmada no dia 6 de julho são: construção civil, setor automotivo e empresas de saúde. As empresas precisam acessar o site propiaui.pi.gov.br para verificar seus protocolos e colocá-los em prática e assim retomarem as atividades gradualmente. Escute a entrevista completa.

Ouça na íntegra:

Washington Bonfim admite possibilidade de lockdown em Teresina


As atividades comerciais em Teresina devem retornar no dia 7 de julho. Porém, o Comitê de Operações Emergenciais do
Município quer que a medida seja antecedida por um lockdown. A informação foi confirmada por Washington Bonfim a rádio Cidade Verde. Como membro do comitê ele confirmou que o prefeito Firmino Filho aposta nesta medida para uma retomada segura.

A entrevista foi concedida ao programa Acorda Piauí. Washington Bonfim admitiu que prefeitura de Teresina vai pedir ao Governo do Estado apoio na contenção do vírus. O lockdonw pode começar no final de semana e se estender até quinta-feira, 2 de julho. A definição deve sair de um encontro que acontece hoje pela manhã entre os membros do Comitê Emergencial, o governador e o prefeito Firmino.

Ouça na íntegra:

Covid-19: Médica faz orientação e alertas para grupos de risco

Em entrevista ao Acorda Piauí, a médica Adriana Trinidad, explica o porquê dos idosos e portadores de doenças crônicas correrem maior risco de contraírem vírus que causam problemas respiratórios, como o influenza, da gripe e, assim, sofrerem mais complicações dessas infecções. Hipertensos, diabéticos e pessoas com imunidade frágil, inclusive crianças e jovens, devem estar atentos ao impacto que o Covid-19 pode causar.

Ouça na íntegra: